quarta-feira, 28 de abril de 2010

' Mudar ( . . . )

Mudança é a lei da vida, pelo menos é o que dizem por aí, só não dizem o quão isto pode ser ruim ou não. Tantas vezes nos decepcionamos com alguém, devido as transformações que o tempo lhe trouxe, pode até ser sem querer ou proposital, mas quase sempre é inevitável. Essas situações acontecem com qualquer um, em qualquer sentido. Posso estar falando de um casal que não dá mais certo porque ambos mudaram, ou de duas amigas que se distanciaram perante a tanta diferença. Até que ponto mudar é algo positivo? É disso que vivo me questionando. Obviamente é muito mais fácil alguém vir dizer que você mudou, do que você mesmo se dar conta, principalmente quando se trata de uma mudança "negativa". É muito provável que você não enxergue isso com facilidade, inclusive porque nem todos aceitam críticas. Curioso saber que pra corrigir uma mudança, você tem justamente que mudar. Se alguém te diz que você é outra pessoa, que está muito melhor do que antes, é óbvio que você vai gostar. Agora, se alguém te diz que você mudou pra pior e que constantemente está errando, você não vai gostar tanto de ouvir. E vai preferir dizer por aí que tal pessoa só sabe te criticar e mais nada, e é aí que você erra novamente. Por que não parar pra pensar e ver se não está cego diante de suas próprias atitudes? Mudar nem sempre é algo maravilhoso e isso já ficou claro, existem mudanças de diversos tipos e milhares de situações. É mudando que ganhamos e perdemos amigos, é mudando que caímos e subimos na vida, é tudo tão relativo. Jamais feche os olhos as críticas, e jamais deixe que os elogios também te subam a cabeça. Quem te avisa, te quer bem, e quem acha que tem muitos amigos, aí sim, tem poucos. Prefira alguém que te critique, que brigue com você e que te diga quando está errado, do que preferir alguém que só te faz rir e dizer em todas as horas 'você tá certo, eu to do seu lado.' Nem sempre essa pessoa vai estar realmente do seu lado, e é isso que você não pode deixar de ver. Se permita enxergar que muitas coisas vão além do que você vê, e não deixe que suas atitudes te façam ser menos do que é, procure crescer em qualquer situação. Olhe sempre os dois lados, e escute também os dois lados, quando estiver julgando muito alguém, reflita realmente sobre o mesmo, e por que não conversar? Converse, exponha sua opinião, sem temer que a pessoa que você tanto julga venha a te convencer de que você está errado, porque poucas coisas são tão nobres quanto admitir que errou e pedir perdão. Assim como é bom poder provar a alguém que ele está errado e fazer reconhecer o erro, não é? Agora pergunte a si mesmo quantas vezes você ja julgou alguém sem conhecer, ou quantas vezes falou mal de alguém e dizia de boca cheia que odeia pessoas que falam mal dos outros. É do ser humano criticar quem lhe critica, mas tudo na medida certa, e tudo dependendo da situação de cada um. Na vida você terá que aprender a lidar com todas as coisas que nem imagina que irá viver, coisas que chegam quando você menos espera. São decepções, erros, momentos de felicidade extrema inesperados, amores, e terá que lidar com as mudanças o tempo todo. Mude de opiniões, mude na vida, mude até onde não for prejudicial as pessoas ao seu redor e a você mesmo. E existem coisas que você não pode mudar nunca, não pode e não deve.. sua personalidade, seu caráter.. e há algo que você não pode perder, sua essência. Você tem controle da sua própria mente . !

Nenhum comentário:

Postar um comentário